Todos os artigos são redigidos segundo o português escrito em Portugal e não adoptam o novo Acordo Ortográfico.

Sporting apresentou participação disciplinar contra o Alverca

O clube “leonino” apresentou uma queixa ao Conselho de Disciplina da FPF pela utilização do jogador Luan na 3.ª eliminatoria da Taça de Portugal.

O Sporting está a tentar por via administrativa impedir o apuramento do Alverca LUSA/TIAGO PETINGA

O Sporting apresentou uma participação disciplinar ao Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) contra o Alverca e o jogador Luan Silva. Em causa está a utilização do médio brasileiro na partida da 3.ª eliminatória da Taça de Portugal, encontro que terminou com a derrota dos “leões” no Complexo Desportivo FC Alverca, por 2-0.

Segundo o PÚBLICO apurou, a acção deu entrada nesta sexta-feira no órgão disciplinar federativo, confirmando assim que o Sporting irá tentar evitar o afastamento da Taça de Portugal pela via administrativa.

Na origem da participação disciplinar está a utilização de Luan, autor do segundo golo da vitória dos ribatejanos contra os sportinguistas. O médio foi expulso na última partida realizada pela Alverca antes da 3.ª eliminatória da Taça de Portugal – deslocação a Loures, na 7.ª jornada do Campeonato de Portugal – e o departamento jurídico do Sporting entendeu haver motivos para avançar com a participação disciplinar ao CD da FPF.

Apesar da iniciativa sportinguista, segundo pode ler-se no ponto 1 do artigo 40.º do Regulamento Disciplinar da FPF, “a sanção de suspensão por jogos oficiais aplicada a jogadores é cumprida na competição em que foi aplicada e no decurso da época desportiva em que a decisão que a aplicou se tornar executória.”

Seguindo essa norma, na eliminatória anterior da Taça de Portugal, David Joshua, do Sintra Football, e Pedro Seco, do Aljustrelense, foram utilizados pelas respectivas equipas, isto apesar de ambos terem sido expulsos nas partidas anteriores que tinham disputado no Campeonato de Portugal.