Todos os artigos são redigidos segundo o português escrito em Portugal e não adoptam o novo Acordo Ortográfico.

Liverpool vence Southampton apesar de Adrián

Everton de Marco Silva supera Watford com André Gomes a titular, enquanto Tottenham e City empatam em Manchester.

Reuters/HANNAH MCKAY

O Liverpool saiu este sábado vitorioso da visita ao Southampton (2-1), numa ronda em que o Everton, de Marco Silva, conseguiu a primeira vitória da época na Liga inglesa, ao bater o Watford (1-0). Na segunda jornada, os campeões europeus pareciam ter a vitória garantida frente ao Southampton, que teve Cédric Soares como suplente, mas um erro do guarda-redes Adrián fez a equipa tremer.

Adrián, herói da Supertaça europeia, colocou a bola nos pés de Ings, que fez o 2-1 (83’) e deu esperança à equipa da casa. Valeu aos “reds” a vantagem garantida por Sadio Mané (45+1’) e Roberto Firmino (71’). O triunfo do Liverpool deixou a equipa com as mesmas vitórias de Arsenal, que venceu em casa o Burnley (2-1).

O Everton de Marco Silva conseguiu o primeiro triunfo, depois de um empate na ronda de estreia, ao bater o Watford, no Goodison Park, com um golo do médio brasileiro Bernard (10’). André Gomes foi titular no Everton, enquanto Domingos Quina não saiu do banco do Watford.

O campeão Manchester City, com Bernardo Silva a titular, não conseguiu ultrapassar o Tottenham, em jogo que terminou com um empate a 2-2. Em duas ocasiões os “citizens” estiveram em vantagem, com golos de Sterling (20’) e Aguero (35’)... mas Lamela (23’) e Lucas Moura (56’) igualaram.

O vídeoárbitro “negou”, nos instantes finais, um golo à equipa de Manchester, devido a um toque do braço de Laporte na bola, antes de Gabriel Jesus fazer o que seria o 3-2. O empate entre os dois candidatos deixa para já o Arsenal e o Liverpool na frente do campeonato, ambos com vitórias nas duas jornadas, mas que ainda podem ser alcançados por Manchester United, que na segunda-feira visita o Wolverhampton.

O promovido Norwich venceu em casa o Newcastle por 3-1, com um “hat trick” do finlandês Pukki. O Aston Villa perdeu em casa com o Bournemouth, por 2-1.